sábado, 11 de agosto de 2012

Histórias do Futsal

JUVENTUS ATLÉTICO CLUBE - FUTSAL 
                        
                                                                                                        João Jayme Araujo
­                                                                                        jjgaucho23@hotmail.com    
                                                                                                                   
Como interessado e curioso pela vida esportiva de nossa terra, iniciei, por diletantismo, escrever historinhas para o Blog do Juventus graças ao acolhimento do Prof. Atanagildo Rorato.
Por sugestão dele por mim acolhida, com satisfação, tive a felicidade de colocar no livro – BAÚ DE RFELIQUIAS – fatos, a maioria, jocosos, ligados ao futebol da década de 50.
Aventurei-me depois a colher subsídios para retratar a historia de outro esporte o FUTEBOL DE SALÃO desse mesmo período contando acontecimentos ligados a ATLAS, MONTESE, ALVORADA, BRASIL, REAL, PAMEIRAS, TIJUCA e SANTOS.
Pensei que a fonte houvesse secado. Apareceram outras, e a mais importante, JONALDO, que atuou com destaque, na seleção de Santa Rosa que com o nome de JUVENTUS que muito engrandeceu o município projetando-o com destaque nessa modalidade esportiva.
O período abrangido é com primordialmente, do ano de 1979, mas há os primórdios ocorridos em 1966. A matéria está retratada nos jornais da época de nossa cidade dos quais nos servimos. 
ANO DE 1979 - SELEÇÃO SALONISTA/JUVENTUS PREPARA-SE PARA O ESTADUAL
A seleção de futebol de salão que representará a cidade no Estadual jogou contra a seleção de Cruz Alta quando foi derrotada por 2 x 1.
O jogo foi disputado no Ginásio Municipal de Esportes que acolheu um  bom público e este pode apreciar os atletas que nos representarão.
Na equipe do Juventus Atlético Clube jogaram Alfredo, Claudio, Jonaldo, Lamar, Luizinho, Telmo, Kika, Sérgio e Talvani.
O time local, como não poderia deixar de acontecer numa equipe em formação, apresentou defeitos.



JUVENTUS DÁ GOLEADA 

A seleção de Santa Rosa que está disputando com o nome de Juventus, conseguiu diante do Jabaculê a maior goleada ocorrida até agora no Campeonato: 7 x 0.
A partida em sua primeira parte foi muito truncada, pois o time de Tucunduva  procurou mais se defender enquanto que o Juventus apesar de agressivo também esteve muito cauteloso tendo conseguido ao final dos primeiros vinte minutos a vantagem pelo escore mínimo num gol marcado em cobrança de falta por Jonaldo.
Na etapa complementar a equipe juventudina massacrou o adversário imprimindo um ritmo forte e rápido marcando outros seis gols por Jonaldo (2) Alfedo, Heinz, Babá e Bide.
O técnico Edgar Massoti escalou para este  jogo Renato, Telmo, (Kika),  Jonaldo (Babá), Heinz, (Bide) e Alfredo (Talvani).

NOVA GOLEADA DO JUVENTUS NO SALONISMO

A equipe de futebol do Juventus que está representando Santa Rosa no Estadual Salonista conquistou mais uma vitória expressiva ao golear por 6 2 a AFUBEBO de Três de Maio.
O quinteto santa-rosense não contou8 com dois de seus titulares Telmo e Heinz, seus substitutos Kika e Bide confirmaram o que deles se esperava.
O primeiro tento foi marcado pelos visitantes, mas logo após teve inicio  goleada através de Alfredo, seguindo-se dois de Bide, mais um de  Alfredo, um de Jonaldo e outro de Kika.
O segundo gol da Afubebo foi conseguido no último minuto.
O Juventus venceu com Renato, Kika, Jonaldo, Bide, e Alfredo.

JUVENTUS ESTÁ CLASSIFICADO

Com a vitória de 4 x 2 obtida pelo Juventus, jogando em Três Passos o time que está representando Santa Rosa no estadual de Salão assumiu a liderança isolada da chave.
Jogando um excelente futebol o Juventus provou em Três Passos que Santa Rosa possui um dos melhores “futebol de salão” no Estado.
O Juventus no inicio de jogo foi surpreendido com gol do Minuano. Empatou aos 7 minutos com Heinz. Novamente o Minuano pulou na frente marcando o  seu segundo. Ao final do primeiro tempo, Heinz, o goleador do time fazia novamente o gol do empate.
No segundo tempo a supremacia do melhor futebol do Juventus foi suficiente para derrotar a garra da equipe de Três Passos. Santinho que substituíra o excelente Alfredo conseguiu  através de um bonito gol colocar a equipe santa-rosense à frente e Jonaldo aos 18 minutos consolidava a goleada.

JUVENTUS CAMPEÃO DO 1º TURNO

O Juventus Atlético Clube encerrou sua participação no primeiro turno do Estadual de salonismo enfrentando no Ginásio Municipal de Esportes o Tamoio de Santo Ângelo.
O jogo foi o mais difícil que o Juventus enfrentou na fase. O primeiro tempo foi todo do Juventus.  Aos dois minutos Jonaldo recebeu um passe de Talvani e com categoria marcou o primeiro gol da partida. Aos  5 minutos, Jonaldo fez a torcida levantar-se com gritos e aplausos, quando em conclusão de uma jogada individual dele marcava o segundo gol do Juventus. Aos 15 o Tamoio, por intermédio de Sadi, descontou. Edgar Massoti usou Renato, Jonaldo, Kika (Telmo) Talvani (Chico Timm) e Heinz (Alcibiades).
Para conquistar o primeiro título no Estadual o Juventus fez a seguinte campanha: Aliança 2 x Juventus 0. Juventus 3 x 0, Insetos. Juventus 7 x 0 Jabaculê. Juventus 6 x 2 Afubebo.  Minuano 2 x 4 Juventus. Juventus 2 x 1 Tamoio.


Em  pé: Bide Moroni, Telmo Rigo, Alfredo Moroni, Luizinho, Chico Timm e Edgar Massoti (treinador).
Agachados: Heinz Lorentz, Jonaldo, Kika, Renato e Talvani.

GOLEADA DO JUVENTUS

Depois de empatar contra o Clube do Comércio em Itaqui, na estreia da segunda fase do Estadual de Salonismo, a equipe do Juventus em seu segundo jogo não encontrou dificuldades para golear o Aliança de Giruá, por 5x0.
A goleada começou a ser construída, logo aos 4 minutos com Jonaldo aproveitando-se de uma falha da zaga. Em nova falha da zaga o mesmo Jonaldo marcou o segundo gol aos 9 minutos. Aos 14 Kika marcou o terceiro. Um minuto depois Heinz marcava o quarto. Com a equipe completamente descaracterizada, por modificações o brilho, ao final, não foi o  mesmo. Chico Timm completou o escore.
O Juventus venceu jogando com Renato (Luizinho), Jonaldo (Babá), Kika (Telmo), Chico Timm (Talvani) e Heinz (Lica).

JUVENTUS ASSUMIU A LIDERANÇA DO 2º TURNO

O Juventus que representa Santa Rosa no estadual de salão vem mostrando a cada jogo que é uma das melhores equipes da região. Venceu o Aliança da cidade de Giruá, por 5 x 2 .
Logo ao primeiro minuto o goleador da equipe e uma das estrelas do salonismo de Santa Rosa, Jonaldo, abriu o marcador. Antes que o Aliança esboçasse qualquer tipo de reação Tallvani, mais precisamente aos 4 minutos fazia o segundo.  Heinz, aos doze ampliava o marcador.
No segundo tempo Talvani, o goleador da noite, logo aos 4 minutos, fazia o quarto.  Alcebiades que substituiu Heinz finalizou a goleada no décimo quinto minuto da etapa final. O gol de honra da equipe giruaense foi marcado por Rio Grande aos 15 minutos do primeiro tempo.
Juventus: Renato (Luizinho), Jonaldo, Kika, Heinz I(Alcebiades) e Talvani (Alfredo).

JUVENTUS ENFRENTOU UMA BARRA PESADA

O Juventus Atlético Clube disputou seu segundo compromisso pelo segundo turno do Estadual de Salonismo empatando em zero com o Insetos de Horizontina.
A partida foi toda tumultuada, tendo nas disputas, a equipe da casa abusado com jogadas violentas. Com muita moral  e com a técnica já conhecida o Juventus suportou todos os problemas surgidos e  jogo terminou em empate. O Juventus não contou nesta partida com o concurso de seus dois melhores jogadores, Alfredo e Heinz. O empate foi conseguido com Luizinho, Jonaldo, (Baba), Kika, Talvani e Alcebíades.

.
JUVENTUS JÁ É CAMPEÃO DA CHAVE

O Juventus de Santa Rosa venceu o Minuano de Três Passos por um a zero na penúltima rodada do returno e, por antecipação, conquistou o titulo de campeão da Chave Alto Uruguai.
O gol da vitória foi marcado aos 12 minutos do primeiro tempo através de Alcebiades  No segundo tempo,quando faltavam 7 minutos para o encerramento Talvani escapou pela esquerda e chutou forte, marcando aquele que seria o segundo gol do Juventus. O juiz anulou marcando falta vencida. Nesse lance,  iniciou-se um principio de tumulto, tendo sido três atletas do Minuano desclassificados e seu treinador expulso.  O Minuano abandonou a quadra por não ter número suficiente para substituir os três atletas desclassificados. Com a decisão o Juventus ganhou dois pontos e,  por antecipação, conquistou o titulo de Campeão da Chave Alto Uruguai.
Jogou e venceu com: Luizinho, Jonaldo, Kika, Talvani e Alcebíades (Lica)



Em pé: Oswaldino, Santos, Argemiro, Alfredo, Claudio, Jonaldo, Lamar, Edgar Massotu e Volmir Silveira. Agachados: Luizinho, Telmo, Kika, Sérgio e Talvani. (Foto São José)


 “O Juventus participou do Campeonato Estadual de Futsal por muitos anos sempre se mantendo entre as melhores equipes de Futsal do Estado.
Também colocou diversos Atletas em equipes como Grêmio e outras. Formou varias revelações durante estes anos.
Posso dizer que nos anos de 1970/80 foi a melhor época do Futsal de Santa Rosa a nível Estadual.” (Volmir Joner Silveira).


Em Pé: Chico Timm, Massotti, Cico Zoehler, Lica, Renato Scalco ,(...), Gilmar, Volmir Silveira ( presidente ), Waldir Dani e Edegar Masotti( Técnico ),
Agachados: Babá, Heinz, Toni, (...) Adonis, Kika, Alcebides Moroni, Talvani , Eduino.

JONALDO

Veraneando em Capão da Canoa, este ano, tive oportunidade de conhecer Jonaldo, seguramente um dos melhores jogadores de Futsal e futebol, também, de nossa terra.
Graças ao seu acervo de recortes de jornais e fotos, a matéria sobre a seleção de Santa Rosa – Juventus – vai contada com muitos detalhes e ilustrações.
Relatou-nos: “ tudo iniciou nos Campeonatos de Verão, com Losca, Secos e Molhados, Seje Bobo de Cruzeiro.
Esses clubes são o embrião do Santa Rosa, seleção que disputou o Campeonato Estadual de Futebol de Salão. 

Fases regional e final.

Nessa época a seleção disputou como nome de Juventus, no período de 1978 a 1985.
Da equipe Renato Scalco e Heinz  Lorentz foram para o Grêmio de Porto Alegre. Tato Moroni jogou no Vasco.
Compunham a equipe, Luizinho ( da Massey Fergusson) e Renato Scalco, do Losca (junção de Lorentz e Scalco), no gol.
Babá Lorentz,  alas direitas.
Fixos:  Argemiro Kreibich e Chico Zoehler.
Na ala esquerda  Talvani Abreu e   Alcebiades Moroni.
Na frente, Talvani, Heinz Lorentz e Jonaldo, entre outros.

Essa Seleção enfrentou o Internacional de Porto Alegre, tricampeão brasileiro formado por Eugenio, Branco, Branquinho, Gauer e Larri e venceu, no D. Bosco, por 4 a 2, com gols de Alfredo Moroni (2) e  Jonaldo (2).
A seleção vestiu a camiseta da APESUL, de cor azul e a torcida viu no confronto um GRENAL e gritava GRÊMIO, GRÊMIO!
O feito repercutiu junto à sociedade quando então, passaram a disputar o Campeonato Estadual com a denominação de Juventus, na quadra do D. Bosco, com as dependências completamente lotadas.
Começava por um Regional e da chave com Horizontina, Erechim, Uruguaina, por exemplo.
 Na segunda fase enfrentaram o Cosmos de Passo Fundo, depois Universidade de Passo Fundo.
No time de Uruguaiana jogavam Choco e Itaqui.
Um quadrangular final foi disputado em Santa Rosa  e  a Seleção sagrou-se vice-campeã, perdendo a final para o Internacional, por 1 a 0, gol do Biazzeto.
Claudio Duarte, já tendo abandonado o futebol de campo, jogava na lateral direita.
Os outros dois times eram o Ipiranga de Rio Grande e, possivelmente, o Gondoleiros, também, de Porto Alegre.
A estratégia dos Santa-rosenses era treinar no D. Bosco  e jogar no Ginasião  para uma retranca amiga.
Depois, muito depois, quando a maioria dos jogadores da equipe já tinha parado, surgiu a Sociedade Esportiva Concordia, para representar a cidade.

Fonte jornalisticada época: Jornal Noroeste. 
MAIS SOBRE O GLORIOSO JUVENTUS NO FUTSAL CLICANDO AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário